segunda-feira, 16 de abril de 2007

A uma semana de inaugurar a Casa Sincera, e analisando agora em retrospectiva, debatia-me com dois problemas de grande escala: a pressão do tempo e a incerteza face à forma que o espaço iria tomar, algo que nunca foi muito claro desde o início sendo a relevância do projecto a minha maior preocupação. Na altura não pareciam problemas, muito menos graves, uma vez que a construção do espaço, a montagem das diferentes partes da casa, a conjugação peça a peça, aconteceu com grande naturalidade.

Havia ainda a agenda a organizar e centenas de pequenas coisas para fazer descritas em listas e mais listas. A agenda contava com a participação de mais de uma dezena de pessoas que iriam colaborar em diferentes actividades. Quando a agenda ficou fechada (e se imprimiram os flyers) eu sabia que teria que a alterar vezes sem conta para conjugar as actividades de todos e felizmente, para inserir as novas actividades que surgiram logo após a abertura. Tal como uma performer/dj e colaboradora da Casa disse, o nome era muito português, ninguém estava a acreditar que fosse “altamente”, estavam todos a desconfiar porque nada no nome remetia para o que depois se iria ver e viver no espaço. Por este motivo apareceram num piscar de olhos uma proposta de um cabeleireiro, um malabarista, uma banda gótica já com muita estima na cidade, etc. Afinal a Casa era “fixe”, mesmo com um nome destes!

Será inevitável falar agora na duração das coisas, pois é sabido que a duração é uma determinação de tudo logo à partida. A Casa duraria duas semanas, três fins de semana, preenchidos de tarde e à noite, incluídas as sextas-feiras. Teria um ritmo acelerado e depois desaparecia. Era a experimentação de um modelo que se propunha, nada de novo no contexto dos artist run spaces, das casas okupadas, das pequenas comunidades de artistas e de outros grupos. Mas era uma experiência que tinha que urgentemente ser reproduzida, sem qualquer problema de ser engolida pelo passado onde podemos reconhecer situações semelhantes a esta, porque teve desde o início um sentido próprio, inabalável, o de nos lembrar coisas simples como a partilha, a troca, a generosidade, a tolerância e a criatividade.

Esta experiência seria a renovação de algumas acções ocorridas noutros tempos e espaços (a actividade dos últimos 6 ou 7 anos na cidade do Porto, ou num contexto mais alargado, dos anos 70 e 80) mas senti a dado momento que a Casa serviria para dar resposta a uma necessidade concreta minha e dos outros à minha volta, que como eu tiveram necessidade de construir um espaço de partilha – uma residência artística comunitária. A Casa é também um teste aos nossos desejos de originar uma situação de vida melhor.

Aceitar a duração de tudo é aceitar e prever limites para tudo. As TAZ (Zonas Autónomas Temporárias) impõem à partida um trajecto limitado. Eu conhecia bem os limites da Casa e aceitei-os. Tal como as utopias quando trespassam o plano unicamente ideológico e se testam na prática encontram um fim. Várias vezes escrevi no meu caderno que tinha que acreditar na Casa e não sabia ainda bem o que estava para vir. A utilidade deste recado é que eu acreditei sem dar conta e consegui que durante um fim de semana inteiro todos acreditassem comigo na Casa. Isto porque estávamos, e eu falo por mim, em pleno estado de felicidade.

Este texto surge neste momento porque a Casa encerrará hoje. O final abrupto deixou-me chocada e sem capacidade para impedir que isso acontecesse - até porque tive que pensar bem que qualquer tentativa de manter a continuidade da Casa poderá retirar a cedência do espaço ao projecto do Laboratório das Artes. A saída total, quer desta exposição, quer do projecto, está na iminência de acontecer. A “limpeza” e a retirada irá começar entre hoje e amanhã. Depois ficará à consideração da proprietária a decisão final.

Os motivos do encerramento interessam-me relativamente pouco. A “sinceridade” na Casa nunca foi excessiva, não por constrangimentos impostos mas por escolha pessoal e individual. Cada um fez o que quis dentro do que estava mais ou menos programado e por acaso, não ocorreu nenhuma situação que pudesse pôr em causa a Casa. A Casa não foi simplesmente entendida pela proprietária, mas foi pelas largas dezenas de visitantes que passaram por lá num único fim de semana. Não condeno a proprietária pela sua visão sobre os acontecimentos. Tem esse direito.

Brevemente será disponibilizado no blog material de documentação da Casa.

31 comentários:

L disse...

Acho que é importante repeti-lo: não só gostei muito do projecto como acho que deixou uma marca muito positiva em quem o visitou, experimentou, e se deixou envolver. Penso que toda a construção espacial e a forma como agarraste na ideia e a desenvolveste tiveram o dom de nos deixar à vontade e de entusiasmar toda a gente! A Casa senti-a realmente como de todos nós, dos amigos e de todos os desconhecidos que vi, e isso foi muito bonito! Foi um grande presente que partilhaste connosco, que nos enriqueceu e que nos contagiou na vontade de DAR - muito para além do mero retribuir.
Mesmo que termine agora enquanto projecto físico, creio que a Casa continuará a dar que pensar a quem a experimentou. Pode não servir de grande consolo, por agora; mas acredito que permitirá abrir mais portas e possibilidades no futuro. É dessa forma que a Casa não acaba aqui!!!


ps: estou obviamente disponível para carregar e transportar mobília.

Anónimo disse...

Não sei muito bem como começar. As tuas palavras tocam-me Isabel... Não há dúvida que este projecto marcou muito Guimarães e não tenho receio em afirmar que foi dos projectos artísticos que mais prazer me deu ver entrar na nossa casa que, num pequeno grande momento, se tornou a casa de todos nós. O facto da proprietária se ter mostrado completamente chocada, ultrapassada, enganada, etc etc, não afecta o nosso sentimento pela Casa Sincera, por que ela (a casa) foi muito mais do que imaginamos, foi um coração sincero!

Em nome do Laboratório,
Luís Ribeiro

cum and go disse...

Estou ainda na ressaca do encandeamento. Não sei bem o que vi mas sei que era magnífico, e parece-me que todos sentiram tocar-lhes na pele algo que gostariam de ter sentido mais profundamente. Talvez como o primeiro beijo de um namoro sonhado. Talvez como quem ia perder a virginidade mas foi surpreendida pela chegada antecipada dos pais. De qualquer modo o vislumbre foi revelador. A casa sincera (re)começou algo que deixará muita gente inquieta até ser terminado.

Jorge (Laboratorio das Artes) disse...

Isabel, o meu obrigado por teres partilhado connosco a "CASA"...

Anónimo disse...

É realmente lamentável. Gostei do espírito que se vivia lá. Para a Isabel, o Jorge , o Luís e resto da malta que dinamiza o laboratório, aqui vai um abraço.

E desculpem qualquer excesso da minha parte...

Até à próxima,

Marco Mendes

mauro disse...

lindo, mt mt lindo! parabens isabel, foi uma experiencia inesquecível! a melhor expo de sempre! foi apenas o inicio...

Anónimo disse...

No apologies! Valeu pelo que foi!

Anónimo disse...

Afinal a casa não era sincera porque o simulacro de casas partilhadas e de vivências encenadas são opositores por definição à sinceridade. É irónico o projecto de tão larga escala acabar assim mas é ilustrativo da sua fragilidade.
M.M.

mauro disse...

és maluco?! antes de dizer asneiras nao seria melhor pedir informações? sabes por acaso o k aconteceu para o espaço fechar? sabes as implicaçoes k isto teve na vida de várias pessoas?! vivências encenadas?!! mas afinal kem esteve lá a encenar? eu nao estive a encenar nem me parece k alguém o estivesse a fazer. só se tu o fizeste! existem todo um conjunto de pessoas k estiveram a viver akilo profundamento. foi criado um espaço de troca de experiências e como tal nada é mais sincero do k isto. achas k as coisas e a sinceridade caiem do céu? só pk o pessoal envolvido nao é punk e come dos caixotes do lixo isto nao é sincero?! sinceramente!

Anónimo disse...

M.M., bota níbea.

Brother Louie disse...

sem ironia, parece-me que a "fragilidade" do projecto foi a sua maior força. A casa foi o que dela se fez, no espaço e tempo proporcionado. A cada um cabe o "mérito" que a si quiser reclamar, o projecto fez-se da visão e postura de cada um, com todos os defeitos, virtudes, idiossincrasias, particularidades, afinidades e antipatias que trazemos do quotidiano. A elaborar sobre a casa sincera um juízo valorativo, embutido ou não numa crítica de enquadramento artístico, julgo ser mais pertinente analisar o modelo totalmente participativo de actuação (relações com vários já conhecidos) e o impacto causado - afinal, os aspectos mais diferenciadores em relação à prática artística não institucional da última década. Discutir a "sinceridade" enquanto autenticidade, é discutir o papel que cada um escolheu desempenhar - isso é uma discussão tão fragmentada quanto o núcleo material da casa: os participantes e a forma como projectaram publicamente a sua disponibilidade. Até que ponto estas projecções diferiram do Eu que cada um traz consigo a maior parte do tempo, poderá ser objecto de um inquérito, cuja "sinceridade" será outra incógnita. E assim adiante.

The hottest songs from Talking Modern disse...

Deep love is a burnin' fire stay
'cause then the flame grows higher babe
Don't let him steal your heart
It's easy easy
Girl this game can't last forever why
We cannot live together try
Don't let him take your love from me

You're no good can't you see
Brother Louie Louie Louie
I'm in love set her free
Oh she's only lookin' to me
Only love breaks her heart
Brother Louie Louie Louie
Only love's paradise
Oh she's only lookin' to me

Brother Louie Louie Louie
Oh she's only lookin' to me
Oh let it Louie
She's under cover
Brother Louie Louie Louie
Oh doin' what he's doin'
So leave it Louie
'cause I'm her lover

Stay 'cause this boy wants to gamble stay
Love's more than he can handle girl
Oh come on stay by me
Forever ever
Why does he go on pretendin' that
His love is never ending babe
Don't let him steal your love from me

The hottest songs from Talking Modern

MANET OU MONET disse...

NABO! É MODERN TALKING...e assim se fala em bom modernismo!

Anónimo disse...

有什么 有什么网址 有什么新闻 有什么博客 有什么论文 有什么图片 有什么音乐 有什么搜商 有什么帖客 天气预报 有什么

OnlinePharmacy disse...

vXAAa5 Your blog is great. Articles is interesting!

efectos secundarios del viagra disse...

h0JYU8 Wonderful blog.

meridia online ordering disse...

Wonderful blog.

coalville utah moore motel disse...

Wonderful blog.

name disse...

Wonderful blog.

budget tours philippines disse...

Please write anything else!

alicia keyes tours disse...

Thanks to author.

insurance agents in mariet disse...

Hello all!

ringtones disse...

Thanks to author.

disse...

Good job!

cialis commercial disse...

aNarsV Good job!

download free ringtones disse...

Thanks to author.

Anónimo disse...

wow gold
wow gold
wow power leveling
wow power leveling
wow gold@@@@
World of Warcraft Gold
wow power leveling
wow power leveling
wow power leveling
wow power leveling
wow power leveling
wow power leveling
wow power leveling
wow power leveling
wow power leveling
wow powerleveling
wow powerleveling
wow powerleveling
rolex replica
wow powerleveling
wow powerleveling
wow powerleveling
wow powerleveling
wow powerleveling
wow powerleveling
wow powerleveling
wow powerleveling
replica rolex
powerleveling
powerleveling
powerleveling
powerleveling
power leveling
power leveling
powerleveling
powerleveling
power leveling
power leveling
power leveling
power leveling
power leveling
power leveling
power leveling
power leveling
rolex
wow gold
wow gold
Warcraft Gold
Warcraft Gold

中高年 転職
アルバイト 求人情報
ブライダル
転職
競馬
FX
ダイエット
お見合い
競馬 予想
新築マンション
新築マンション
コンタクトレンズ
婚約指輪
合宿免許
人材派遣
東京都 墓地
派遣会社
人材派遣
パチンコ 攻略
おなら

货架
OCR
OCR
手机词典
高速扫描
机票
灭蟑螂
蜗轮减速机
减速机
齿轮减速机
丝杆升降机
租房
租房
北京租房
北京租房
搬家公司
北京搬家
北京搬家公司
上海机票
上海机票
上海打折机票
上海打折机票
上海特价机票
上海特价机票
搬家公司
搬家公司
北京搬家公司
北京搬家公司

fgfggjxcvxb

Anónimo disse...

However, thanks to a peculiar twist of fate, I've learned to appreciate the Canada goose and its eccentricities.. http://www.2012canadagoosepascher.fr LIVESTRONG is a registered trademark of the Lance Armstrong Foundation. They also find that one of the brothers have disappeared. Alexander: bought two deals from Living Social.
Nevertheless, we should consider the fact that Canada Goose makes jackets on the a lot lower scale than the North Experience, for whom it will be impossible to produce this sort of a big quantity only in North American factories.. [url=http://www.icanadagooseca.com]canada goose jackets[/url] For these people, the line was specifically designed for aging spinsters who does pottery and has a lifetime subscriptions to The New Yorker.. [url=http://officialcanadagoosesoutlet.ca]canada goose[/url]
[url=http://flyballbags.com]canada goose chilliwack[/url] Designer Fashion For LessHandbag RepairBags in the HeadlinesCelebrities and Their BagsCosmetic BagsDesigner HandbagsDo It Yourself HandbagsGuilt-Free HandbagsSpring HandbagsMessenger Bags/ Original GeishaOther BagsPersonal Purse PagesPurse ForumUp-and-Coming DesignersVintage BagsWhere to Shop OnlineWin a Bag!You and Your bagYouTube HandbagsKeep handbags off the floor!Handbag Hall of FameHandbag StylesEco BagsCHRISTIANA HANDBAGSMost Expensive Designer Bags Handbags ListHandbag Rentalspurse hangersParismareplica handbagsLouis vuitton replica handbags Vs original bagsReplica handbags to win over real designer bags?Louis Vuitton top bags and their secretsLouis Vuitton Monogram Kalaharilouis vuitton discounted handbags, collection 2009. [url=http://www.onlinebeatsbydreoutlet.com]dr dre beats pro driver size[/url]

Anónimo disse...

to be seen year round. [url=http://www.vanessasac.com]sac lune vanessa bruno [/url] With me so far? Let's take a look at some of the close up shots of the shoes, it's inner working and inspiration for this season of the VII.. Environmental Protection Agency is three parts per billion. Beautiful color screen.
Under the hob and grill is a drawer which is great for knives, forks and other kitchen essentials. [url=http://www.icanadagooseca.com]canada goose parka[/url] Retailers come up with creative ways to convince the customers, making their shopping experience more memorable, and convenient. [url=http://officialcanadagoosesoutlet.ca]canada goose sale[/url]
[url=http://flyballbags.com]canada goose jacket[/url] Jon, I believe you are saying there is still some engine braking going on which may be the "back EMF" that Wayne Gerdes talks about? He says, "___You can glide the FFH in N or by applying a small amount of accelerator to remove assist and regen (the second being harder) but the problem lyes with the way the fields are still being generated even while in N from higher and higher speeds Ford did not drop the MG1/2's fields out in N like the Toyota's do. [url=http://www.onlinebeatsbydreoutlet.com]monster beats pro nz[/url]

Anónimo disse...

The offense has been sporadic, though superior of late, and ranks 21st in football for scoring. [url=http://www.vanessasac.com]vanessa bruno sac [/url] Although there are options online, if you are looking to buy a mid-level or elite mask, you may want to visit a brick-and-mortar store and try on a mask. This is what the families usually can't afford, especially if there is more than one child in the family. Another great characteristic of Tiffany and Co jewelry is that it is rock-solid silver and any buyer can easily feel the weight in their hands.
Since Zombies never sleep it only makes sense to crawl to the after party at Arlene's Grocery (95 Stanton St.) at 8:30pm. [url=http://www.icanadagooseca.com]canada goose parka[/url] But, it's a sharable fame. [url=http://officialcanadagoosesoutlet.ca]canada goose sale[/url]
[url=http://flyballbags.com]canada goose jacket[/url] Whereas last week Bill and Sookie returned home from their Godly adventures with the Fellowship of the Sun and pocket Buddha Godric and tried to figure out what or who was causing mayhem and turning the residents of Bon Temps into bug-eyed zombies, this week, the entire cast went on their own adventure starting with Bill visiting Sophie-Ann (Evan Rachel Wood) to get some insight into how to stop the maenad. [url=http://www.onlinebeatsbydreoutlet.com]beats by dre kobe headphones[/url]

Anónimo disse...

Cairo, positioned at the confluence of the Ohio and Mississippi Rivers, was a thriving port city and an important strategic site during the Civil War, a history that's alive today in Cairo's many old houses and buildings. [url=http://officialcanadagoosesoutlet.ca]canada goose parka sale[/url] Just follow the links to the area of each campground and you eventually get an interactive map. Everything else is not important. Meanwhile, at service station, which is right across the street from Sagebrush Cantina, Batman and Robin pull up in the Batmobile, and a woman is talking to her friend Alice on the phone and tells her that she sees some weird dudes in capes just pull in.
Police said the victim suffered serious head trauma. [url=http://www.icanadagooseca.com]canada goose outlet[/url] However, things have changed today. [url=http://officialcanadagoosesoutlet.ca]canada goose parka sale[/url]
[url=http://flyballbags.com]canada goose toronto factory[/url] A lot of people wish to learn how to sing; unfortunatelyChristian Louboutin Sues Ysl For The Red-sole ShoesNessie - The Loch Ness Monster Does It ExistsThe Perfect Shoes for Every OccasionFind out how to grasp the real role of earphone amplifierThe Masai Barefoot Technology Shoes Cause Two Distinctive Viewsda beats headphonesCasque Beats Studio. [url=http://www.onlinebeatsbydreoutlet.com]beats by dre 90 off[/url]